Tábua não. Aprenda a valorizar o seu tipo de corpo

Saber como explorar o seu tipo de corpo é essencial no mundo da moda. Sem dúvidas a mulher tem total liberdade para vestir o que quiser e, principalmente, o que a fizer se sentir bem. Entretanto, por que não escolher as peças certas para dar ênfase aos seus maiores atributos e esconder aquilo que incomoda? Não precisamos de muito para ter acesso a essas informações e dicas preciosas, mais uma vez a personal stylist Bárbara Bianco – Babi, auxiliou nessa missão.

Apesar de não ser o corpo mais comum entre as brasileiras, vemos muitas mulheres com corpo retângulo. O apelido “tábua” deve chegar ao fim no momento em que você aprender a valorizar essa silhueta que é também maravilhosa. Cameron Diaz, Olivia Wilde e Fernanda Torres são exemplos de biotipos retangulares, mas este não se limita às famosas. Entrevistamos algumas mulheres para ilustrar e relacionar às dicas da Babi.

Se ficar na dúvida do seu tipo de corpo, cuidado para não se basear em fotos. Poses, roupas e trejeitos podem comprometer completamente essa avaliação. Qualquer problema dá uma lida no outro post: Corpo: Qual é o seu tipo?

As formas retangulares são ótimas aliadas para os momentos em que você está acima do seu peso ideal, porque eles se distribuem de maneira equilibrada. “Seus ombros, quadris e cintura estão na mesma linha e suas formas possuem poucas curvas”, explica a personal stylist. A estudante de jornalismo Beatriz Mammana, 19 anos, diz não ter dificuldades para se vestir. Sem saber, ela segue uma das dicas preciosas da Babi, “não consigo usar roupas muito largas elas não caem bem”. A futura jornalista ainda completa contando que ama saias e vestidos longos.

Beatriz Mammana
Beatriz Mammana Foto: Arquivo pessoal

 

Já para Isabela Pascoal, estudante da Cásper Líbero, o grande problema está nos famosos e desejados croppeds – blusas curtas. “Não acho que não fiquem bem, só não me sinto confortável em usá-los”, diz a respeito da tendência. Escolha certeira. De fato, para mulheres com biotipo retangular, blusas curtas merecem atenção e, em alguns casos, até devem ser excluídas do repertório. A Babi ressalta que blusas soltas são uma ótima opção para esconder a falta de curvas.

Isabela Pascoal
Foto: Arquivo pessoal

Raquel Lapetina, de 25 anos, trabalha na loja Farm e conta que não sente dificuldade para se vestir. Diferente de Isabela ela não descarta a possibilidade de usar croppeds, mas opta pelos modelos mais compridos. “Tento não deixar aparecer tanto a barriga”, complementa. Além disso ela afirma que acredita que existam roupas que não fiquem bem em seu tipo de corpo.

Raquel Lapetina
Raquel Lapetina Foto: Arquivo pessoal

 “Roupas muito justas, as vezes, me incomodam. Me deixam com aparência ainda mais magra”, diz Paola Frizzo, 21. Parece ser unânime a rejeição a peças muito justas, provavelmente pois elas ressaltam a silhueta carente em curvas. Para a estudante de veterinária vestidos longos e fluidos estão entre suas principais escolhas. É interessante ressaltar que de acordo com a personal stylist entrevistada, uma boa alternativa é valorizar a região do colo com decotes ou detalhes de modelagem, como no look de Paola.

Paola Frizzo
Paola Frizzo Foto: Arquivo pessoal

Para muitas mulheres a ausência de curvas é um problema. Na verdade, é comum dizer que nunca estamos satisfeitas com o corpo que temos. Já passou da hora de dessa percepção mudar e aprendermos a dar valor ao que somos. Todas as silhuetas têm a sua beleza, basta saber explorá-la. Confira as dicas da personal stylist Babi Bianco na íntegra abaixo

Dicas para “mulheres retângulo”

Aposte em:

  • Saias rodadas
    · Cintura levemente baixa
    · Vestidos-casaco
    · Calças com pregas ou bolso faca
    · Pantalonas
    · Blusas feitas de tecidos fluidos

Além disso, você pode abusar dos recortes, cintos e das faixas para criar uma falsa cintura. Blusas soltas são ótimas escolhas para esconder a falta de curvas. outra alternativa é valorizar a região do colo com decotes, colares ou detalhes de modelagem, como babados e pregas, por exemplo. Isso pois, dessa forma os olhares serão desviados de suas formas retas. Na necessidade de aumentar os quadris você deve apostar em saias evasê e calças com  bolsos volumosos – cria um contrates interessante com a cintura, fazendo com que esta pareça mais fina.

Evite:

  • Golas altas
    · Roupas muito largas
    · Estampas exageradas
    · Blusas justas ou curtas
    · Calças de cós largo ou cintura alta
    · Cintos que contrastam com a roupa

Ainda não chegamos no seu corpo? Ou chegamos e você é curiosa? Continue acompanhando o Pesponto em Pauta para saber mais.

Manuela Nogueira – 2º semestre